Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

eatbioandbike

eatbioandbike

BIKE - Uma valente surpresa!

Hoje fiz mais um dos meus passeios de bicicleta. Como estou de férias em casa dos meus Avós em Barcelos, peguei na antiga bicicleta da minha Avó materna e lá fui.

Pelos caminhos desta pequena aldeia, o sol batia forte, mas o vento cortava o calor. Era fim da tarde. Fui sozinha.

Apreciei a paisagem, apreciei a calçada que me fazia tremer, apreciei o senhor que passou a pé por mim e sorriu, apreciei aquele momento.

Mais uma vez senti todo o meio que me envolvia como se ele me abraçasse.

Lá entrei pela rua de nome "Estrada Medieval" e segui. 

Depois de um curto percurso, dei meia volta e virei para casa.

Contava um, dois, três. Um de cada vez. Pinheiro de vez em quando, eucalipto mais do que uma vez.

Mas foi aí, nesse pequeno instante, que fui surpreendida. Toc, toc, toc, toc...

Batidinho e ritmado.

Olhei para trás e intimidei-me (na verdade, assustei-me). Um cavalo (com um cavalheiro na casa dos seus 15 anos) em direcção a mim, com toda a força. 

Rapidamente, naquela estada "Medieval", senti um cheirinho a Idade Média. Galinhas de um lado, pinheiros do outro, mulheres a lavar a roupa na rua, música no fundo do ouvido... Toc, toc, toc, toc... "Uau", pensei eu. Mas, estava cada vez mais perto.

Voltei a olhar desconfiada. Depressa!! Ele corria "como um cavalo"! De facto..

Que momento era aquele? Naquela estrada, de bicicleta, no meio do bosque, com um cavalo atrás de mim? 

Nesse instante, virou na primeira à esquerda. Ufa... Mas, sorri.

 

Instagram
mytaste.pt

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D